domingo, 17 de fevereiro de 2008

Dúvida





Como sempre a dúvida persiste nos meus pensamentos deixando-me quase sempre baralhada e confusa.
Por vezes sinto fugir aquele "EU", de ideias fixas e que as leva até ao fim sem ver se o preço que paga por elas é caro demais.
Aonde vão parar todas as minhas certezas?Por vezes sinto-me em terreno perigoso e os meus alicerces fortes e estáveis ameaçam ruir.Se calhar não são tão fortes, nem tão estáveis...ou são apenas fonte da minha imaginação.
Será que vou ter forças para vencer mais esta batalha?Para levar esta minha luta até ao fim?
Tal como no inicio deste meu ciclo de vida, a dúvida persiste não me deixando por vezes colocar todos os meus desejos em prática e verificar se estou certa ou não!


Ana C.