segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Blogues e redes sociais

Já noutros textos referi os motivos pelos quais criei este blog.
Mais do que tudo, escrever, realiza-me e liberta-me sem qualquer tipo de pretensões.
Tenho conhecido gente que não conheceria de outra forma, com quem troco ideias e posso debatê-las e tomar conhecimento dos mais variados pontos de vista.
Acho que devemos valorizar os aspectos fantásticos e positivos, da partilha de textos, fotos, musica e ideias. Também aqui partilhamos todo o tipo de sentimentos que passam da alegria à dor, do espanto à revolta e tantos outros.
Pertenço também a redes sociais como hi5, facebook, Orkut, Tagged e Noticas de Angola por motivos idênticos. Comunicar, sentir-me próxima dos meus conterrâneos e diversão o que tem sido muito agradável.
Claro que não nego os aspectos negativos que nessas redes também existem mas não posso generalizar.
O que me fez falar deste tema, foi o facto de um dos nossos grandes jornalistas e escritor, ter dedicado uma crónica inteira do Jornal "Expresso" a desancar nas pessoas que para ele " por razões deprimentes como solidão profunda, exibicionismo, pura tolice ou busca incessante de amor e sexo, são tristes personagens que dizem usar a net para contactos profissionais e amizades quando em mente têem obscuras intenções.".
Referiu também numa entrevista que acha também, os blogues insuportáveis.
Segundo ele, "os blogues são uma série de gente que se acha importantíssima, que tem uma espécie de capelinhas, quase religiões com os seus fiéis atrás."
Claro que ele tem direito a ter a sua opinião e penso que também estará preocupado. Sabemos que as audiências das redes são maiores que as audiências dos jornais nacionais. Não questiono as opiniões contrárias mas sim a forma como ele usa as palavras e faz as críticas a um mundo a que ele não pertence. Espero que nunca precise de pertencer...Critica colegas de usarem esses meios para terem audiências.
Eu estou onde quero, porque quero como ele o faz também.
Sou a favor da liberdade de expressão e de escolha mas de forma responsável.

Ana Casanova

19 comentários:

Allek disse...

hola! he regresado
lo puedes checar..
un abrazo!

HSLO disse...

Hum...ele certamente é mal amado...rsrs É isso...de certeza.
Bom...temos o direito de ter orkut, blog e outros...Escrevemos o que bem entender.
Ter um blog me possibilitou a conhecer você Ana e outros amigos, que a cada dia me ajuda a crescer e ser feliz.

Abraços minha amiga.

Hugo

angela disse...

Ana
Concordo com o que escreve, estou a pouco tempo neste mundo e tenho achado ótimo, democrático e rico. Claro que tem de tudo. E onde não tem? Juntou gente, aparece de tudo. Suporto quase que tudo, sendo o mais dificil de tolerar a arrogancia, gente que se acha mais que os outros, que gosta de ficar dividindo o mundo em pedaços irrelevantes quando na verdade o que mais interessa é se é gente boa ou não.
Beijos

Leo Mandoki, Jr. disse...

e por que tu não chamas as coisas pelo nome. O Miguel Sousa Tavares é um mau escritor. E ele sabe disso. E deixou de ser bom jornalista dps que saiu da revista Grande Reportagem. E conheço gente que o conhece...e ele foi um péssimo advogado. Sem a mão e o pai que teve, ele não chegaria longe.

netuno artes disse...

Não o conheço, então não posso opinar sobre esse aspecto; porém apesar de toda a maldade que a rede da internet proporciona, inclusive abusos com crianças, penso que não é só espinhos. como você mesma disse, conhecemos pessoas maravilhosas, que de outra forma jamais iríamos ter essa oportunidade, também quantas vezes minha filha e até mesmo eu, temos a oportunidade de fazer buscas e pesquisas com um simples clic, rsrsrsr , como se diz na gíria da garotada.
gosto desta tecnologia, gosto de computadores, de máquinas eletr~^onicas, e de toda essa parafernália tecnológica, enfim sou um cidadão " plugado no século 21 ", e com plena convicção que esta tecnologia veio para ficar, e retroceder, não, jamais,
beijos netunianos,

ps.: você está certíssima

Humana disse...

Querido Leo, acredito que ser filho de uma pessoa como Sophia de Mello Breyner, porque o pai sei que era advogado e jornalista mas pouco mais, teve concerteza a sua influência. Se ele era mau advogado eu não sei mas tenho lido coisas dele de que gosto.
Agora que ele de uma maneira geral é arrogante, prepotente e tem a mania que é bom...
Será que agora chamei um pouquinho mais as coisas pelo nome? Lol
Li numa entrevista que está a pensar ir viver para o Brasil porque está farto de macambuzios. Os nossos amigos que se cuidem porque se ele fôr socialmente como é na televisão e jornais, é dose! :D
Beijinhos

Alexandre Correia disse...

Olá Ana,

Escapou-me essa crónica de MST no Expresso, mas não me surpreende. Pelo que refere, temos de reconhecer que essa crítica encerra diversas verdades, algumas meias verdades e uma grande dose de arrogância e insulto que são, aliás, duas das mais fortes "imagens de marca" de MST. Nunca trabalhámos juntos, mas trabalhei com o seu pai e tivémos um grande amigo comum — que já morreu —, no escritório do qual nos cruzámos vezes e vezes sem conta, raramente nos cumprimentando. MST sempre se achou superior. É pena ele insistir nessa imagem, porque o torna insuportável e leva a que quem tenha essa imagem não consiga sequer apreciar o que escreve. Daí a dizer que é mau escritor e mau jornalista, também me parece um exagero e mesmo a boleia que a sua carreira levou da mãe e do pai, mesmo que verdadeira e muito útil, não foi senão isso: uma boleia. A partir daí, ele próprio soube desenvolver com sucesso a sua carreira. Quem sabe se não lhe fará falta criar um blog e experimentar o que isso lhe pode significar. Eu estou muito contente com o meu, onde tenho ensaiado a publicação de textos muito diferentes daqueles que são o meu trabalho rotineiro, enquanto jornalista.

Um beijo,

Alexandre Correia

ANIMAÇÕES disse...

É..
triste ver um jornalista se posicionar assim...
Sabemos que existem pessoas mal intencioandas na rede...
mas fazer o que??
Existem pessoas mal intencioandas, na TV, no cinema, na igreja, no sindicato...

Gsotei do seu texto
Grande resposta...
bjs

tossan® disse...

Eis um sujeito que eu não queria no meu círculo de amizades. Um cretino aposto as minhas fichas, afinal também tenho o direito de dar a minha opinião, não é?Rsrsrsr.... Beijo

Giane disse...

Oi, Ana!

Eu não vou me surpreender quando o tal "jornalista" mudar de opinião e fundar o próprio blog e ainda mais, adentrar uma rede social virtual.

O mundo mudou e continua mudando e se não nos adaptarmos a ele, ficaremos para trás.

Duvido que como membro da imprensa ele queira ficar lá atrás.

E não fossem os blogs e redes como poderíamos conhecer pessoas tão legais?
"Bão" esse aí não quero conhecer nem virtualmente. Eca!

Beijos mil, Ana e Fique Bem e no Bem!!!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Penso que foi um momento pouco feliz do MST. Conheço-o desde miúdo e por vezes parece que vive noutro planeta. Mas já ouvi também o PRD desancar nos blogs, com a mesma argumentação e veja como ele se rendeu!
Vamso esperar...

MOMENTOBRASILCOM.COM disse...

Oi ANINHA: Háum premio p/vc (Day-blog) no MomentoBrasilcom.com Continue sendo autêntica,e mantendo a calma. Abrçs p/todos do Roy Lacerda.

Humana disse...

Carlos, como conheço o blogue do Pedro Rolo Duarte, o que disse despertou-me a curiosidade. Encontrei um artigo que eles escreveu com o titulo " O blague dos blogs" e fiquei, desculpe o termo, parva!
Pela boca morre o peixe e é bem verdade.
Basta colocar no Google, Pedro Rolo Duarte e este titulo que encontram o dito artigo.

Elcio Tuiribepi disse...

OI Ana, ele realmente tem o direito de falar o que quiser, e nós temos o direito de concordar ou não...
Que existem coisa não muito legais por aqui, isso é vero, mas em qual lugar não existe, a própria profissaõ dé repóreter deixa muita a desejar quando pessoas sem ética alguma colocam nos jornais reportagens sensacionalistas só para venderem mais...
Em todos os lugares o mal e o bem estarão presentes, isso é inerente as nossas vontades...
Boa abordagem, em um assunto que ger mesmo muita polêmica...
Um abraço na alma

ARTISTA MALDITO disse...

Olá, Ana

Em primeiro lugar felicito-a por esta imagem linda. Quero também agradecer as suas palavras sempre muito delicadas.

Olhe, quanto a este senhor que é um arrogante, só posso acrescentar que os livrinhos dele são bons para ler nas salas de espera do dentista. Ainda assim prefiro olhar para o tecto.

Um beijinho,
Isabel

Carlo Rochas disse...

Querida Ana, vejo que estás bem, pelo menos melhor, a revolta contra algo é muitas vezes sinónimo de vida. Por acaso também pensei o mesmo de um artigo de opinião que este ano tive a oportunidade de ler num dos nossos semanários. Era algo que costumava fazer outrora quando vivia em Portugal. Leio sempre que posso com alguma atenção tais artigos, pois são muitas vezes cópias de opiniões encontradas semanas antes em jornais anglófonos. Dantes os jornalistas ou interessados eram poliglotas e cultos o que lhes permitia ter variadíssimas fontes, tal não é o caso com o que li estas ultimas semanas. Opiniões têm e temos todos, o mais importante não é ter opinião mas saber encontrar argumentos de forma categórica num sentido ou noutro. As incertezas, as delimitações entre os que consideram que o nosso mundo não é único e que criam compartimentos, são deveras as opiniões mais delicadas de manter e sublinhar, tal a mutação que vivemos diariamente. Acredita que o que mais me chocou num artigo que li não foi o tema. Foi a falta de senso, de mau ou de bom senso. De tudo, de fundo, de capacidade de argumento, narrativa, raciocínio ao que chamaria de “inteligência”. O que em resumo me fez pensar, que posso ser burro, inculto, estúpido, incompetente, mal formado ou até mal-educado, mas que não cumulo a falta de inteligência ao ponto de ter que responder ou de me preocupar com tais “pseudo-opiniões” sem valor. Beijo e desejos de um excelente fim-de-semana.

Zeze disse...

Olá

Temos e fazemos porque queremos, sentimos bem e quando não quiseremos deixamos!!!

Beijoka

Nuno Medon disse...

Quem disse isso é tolo... a net faz cada vez mais parte, da vida das pessoas. É essencial! Santana Lopes, confessou no " 5 para a meia noite " que adora a net, que tem um blogue, que vai a jantares de blogger´s.... e quer fazer em Portugal o que o Obama quer fazer nos Estados Unidos em relação ao uso da net ( net em todas as casas ). A net é útil para todos... E nem toda a gente anda no " engate " na net... beijos Ana

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,