terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Escrevo-TE



Escrevo com as pontas dos dedos



Deslizando pelo teu corpo

Poesias inflamadas

De paixão e desejo

Escrevo-te com avidez delicada


Para que sintas o toque poético


Das palavras desenhadas


Gravadas em ti e em mim


Quando os nossos corpos se tocam
 
 
Ana Casanova

6 comentários:

Marcia disse...

Encanta quando escreves amiga!Bjos!

LOURO disse...

Olá Ana!
Mais uma linda postagem,com um belo poema...Parabéns!!!Gostei!

Bjs. de amizade e carinho,
Lourenço

Tatiana Moreira disse...

Oi Ana...

É tão bom quando podemos dar vida a escrita no corpo de quem amamos.
Belíssimo poema!

Um beijo carinhoso para você!

Nilson Barcelli disse...

Escreve sempre poesia.
Porque são as tuas palavras que nos tocam.
Magnífico poema, como sempre.
Beijo, querida amiga.

Vivian disse...

...escreves sim, minha querida!

escreves,
e enquanto deixa deslizar
as palavras pelas pontas
dos dedos,

encanta-nos como só os
bons poetas sabem
fazer.

bj, moça linda!

Fernanda disse...

Sensível e quase sensual.
Lindíssimo, amiga Ana.
Beijo