sexta-feira, 2 de abril de 2010

Tantas vezes



Tantas vezes perdida
como só numa ilha
apesar de partilhada
onde não existe o sol
mar ou paraíso
Apenas um inferno vivo!
Um mundo de horrores
podre, sujo, lamacento
um lugar que me repele
que não é o meu lugar
Mas nada me endurece
não me sinto acomodada
persisto nesta inquietação
e na mudança eu insisto
O diabo não me vence
a minha alma ele não leva
E nada me tira o sorriso
mesmo quando os olhos choram
porque uma coisa eu sei
e numa verdade eu insisto
a força que o amor tem em mim.


Ana Casanova

17 comentários:

Branca disse...

Ana,
QUE NESTA PÁSCOA NOSSA FÉ SEJA REVIGORADA PELA CERTEZA DE QUE CRISTO RESSUSCITOU E ESTÁ ENTRE NÓS!

Bjo e desejo de uma Feliz e harmoniosa Páscoa junto aos seus!

tossan disse...

Reagir por mais forte que seja o fardo para carregar, não se esqueça da data de domingo a data simbólica da ressureição de Cristo. Use a força e o amor tem em você. Beijo e Linda Pácoa com a família.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Tantas vezes, procurei e procurei e... até que achei a Maravilhosa Ana! Nada te endurecerá, querida, pois és o Amor refletido em tua linda poesia!
*********

Procura a maravilha.
Onde um beijo sabe a barcos e bruma.
No brilho redondo e jovem dos joelhos.
Na noite inclinada de melancolia.
Procura.
Procura a maravilha.

Eugénio de Andrade*

Boa Páscoa a ti e aos teus.
Beijos e Força, Humana!
Obrigada pela visita.
Renata

Chica disse...

Lindo,Ana! E que tua Páscoa seja linda e feliz!beijos,chica

angela disse...

Lindo texto e continue com essa determinação que ela é inspiradora.
Uma feliz Páscoa para você e sua família
beijos

Nilson Barcelli disse...

Nunca percas essa força interior que tu tens, pois só assim vencerás as contrariedades com que a vida te põe à prova.
Querida amiga, parabéns pelos 10anos do teu filho e uma boa Páscoa para toda a família.
Um beijo.

Táxi Pluvioso disse...

O diabo vence sempre. Por isso dizem as pessoas "ó diabo"...

Boa Páscoa

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Ana, quanto a blogagem, sem problemas...tudo se faz quando se pode, outras oportunidades irão surgir...e você vai estar presente...
Entendi seu protesto quanto as imagens...rs..mas em outros blogs você poderá vislumbrar fotos desses caras feiosos passando roupa, lavando...etc...rsrs
Quanto a sua postagem, um pouco trste e preocupada, mas no fim a esperança em forma de coragem e força nos faz acreditar numa virada...
È isso Ana, mantenha o sorriso valente sempre em seu rosto, sempre dentro de você como uma arma para enfrentar os dissabores que a vida as vezes nos concede para que exercitemos a nossa fé...
Tenha fé, coragem...
Um abraço na alma amiga...bjo

A Páscoa é a ressurreição das nossas almas. É abandonar tudo o que é velho e antigo e olhar pra frente com coragem; é nos dedicarmos à vida como quem sorve o sumo de um fruto saboroso. Domingo é dia de renascer.

Feliz Páscoa pra você e toda a sua família!

Can-see disse...

:)

netuno artes disse...

Não é fácil vencer os desafios, atravessar pontes,
ou desertos,
escalar montanhas,
ou vencer mares bravios,
seja qual for a caminhada,
seja qual for a dificuldade,
cada vitória, cada pequena vitória,
é uma conquista,
Fé e Perseverança,
nunca ninguém esta só,
tens Família,
uma família que te apoia e que te ama,
e tens amigos que gostam e se preocupam com você,
Acredite na Vida,
beijos netunianos

ps.: FELIZ PÁSCOA

[ rod ] ® disse...

Sua serenidade me ajuda moça! pois mesmo na intensidade dos seus dias consegue ser tão íntegra. Um bj moça e boa semana...

Tentativas Poemáticas disse...

Ana

Revejo-me neste teu poema realista (como a Isabel chama aos meus).
Beijinhos

António

Vivian disse...

...e por acaso a vida de
tantos não é feita de
"tantas vezes", querida
minha?

deixo beijos...

Humana disse...

Concerteza que sim querida Vivian e infelizmente.
Agora não me regozija ou conforta o mal dos outros, apenas o bem.
Há dores que são tão nossas e de quem nos pertence que nos fazem sofrer demais.
Há tanta coisa nesta vida que nos faz sentir impotentes porque não conseguimos mudá-las...
Eu sofro quando oiço como hoje noticia de um pai que matou o filho com 6 meses de tanto mal que lhe fez, de outro que matou a mulher à facada e estrangulou o filho por uma questão de divórcio mas isso não minoriza outras dores que sinto e algumas sobre as quais nem falo, porque não são minhas directamente e não devo.
Muitas vezes me dizem para não levar tudo tão a peito, para me desligar mas falar é fácil. Se é defeito este meu jeito...
Um beijinho.

Eduardo Monteiro disse...

Excelente Blog Ana parabéns!
Prazer em conhece-la :D

mundo azul disse...

________________________________


Sim! Você é uma mulher muito especial... Navegará as águas, mesmo que turbulentas e chegará na outra margem, incólume e vitoriosa!


Beijos de luz e o meu especial carinho, Aninha!!!

__________________________________

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Hoje, o Paulo gentilmente me visitou. Retribui a visita e estou com ele. Grande artista o seu filho, Ana querida! Aliás, ambos os filhos!
Também, de que tronco saíram!
Beijos e o melhor sempre!
Renata